astrologia-pop

A Astrologia é pop: um guia para sobreviver à era dos memes astrológicos

Nunca a Astrologia foi tão popular. Os signos do zodíaco estão na boca do povo, o horóscopo tem presença garantida em todos os meios de comunicação, as redes sociais transformaram tudo em meme e até nas passarelas da moda os astros marcaram presença em recentes temporadas de desfiles internacionais. Nem na Antiguidade, quando os astrólogos atuavam como consultores estratégicos de governantes e reis, a Astrologia esteve tão em evidência. Mas, junto com a popularização sem precedentes, também nunca vimos tanta desinformação sobre o saber astrológico.

Nessa confusão, temos um pouco de tudo: gente que acha que as previsões astrológicas se resumem ao popular horóscopo – ignorando o fato de que nada substitui a análise personalizada das influências que o Mapa Astral completo está recebendo em determinado momento – até quem acabe fazendo análises bastante rasas, baseadas em mapas feitos automaticamente pela internet. Com fraco embasamento técnico, não é raro que assistamos a muitas afirmações bastante equivocadas sobre a Astrologia e o seu funcionamento.

Alguns anos trás, um post no meu então recém-criado site fez muito sucesso nas redes sociais justamente por trazer alguns tópicos essenciais para o entendimento da Astrologia. O ano era 2014 e o mundo virtual, embora já bem desenvolvido, ainda era bastante diferente no tratamento que dava aos estudos astrológicos. Com o título de “Cinco verdades sobre Astrologia que todos deveriam saber”, o artigo foi na contramão do que tem se popularizado ultimamente na internet quando falamos sobre os astros, já que, em vez de memes e textos que tendem a estereotipar os signos, falei um pouco sobre os fundamentos essenciais dessa ciência milenar. O artigo continua atual. Para ler, clique aqui.

Enfim, é mesmo ótimo que a Astrologia esteja cada vez mais popular e acessível, pois é assim que mais e mais pessoas terão acesso a essa importante ferramenta de autoconhecimento e previsões. Mas é importante separar o joio do trigo e, na hora de buscar uma orientação, saber que somente uma análise técnica apurada será capaz de identificar padrões que você levará para a vida toda e, com base nessa análise, fazer previsões para o seu momento presente. Aliás, para encerrar, vale a dica: cuidado com modismos e invencionices no campo astrológico. Ainda que a Astrologia moderna e contemporânea dê espaço para muitas interpretações, as principais técnicas aplicadas para a leitura do mapa natal e as previsões compõem um currículo bastante estruturado.

Não há nada de errado em se divertir tratando a Astrologia como entretenimento, mas na hora de buscar uma orientação para a sua vida, não há espaço para brincadeira: o autoconhecimento e os seus planos e projetos para o futuro são coisa séria. Não dá para entregá-los a amadores!

Para saber mais sobre Astrologia, clique aqui.

Para saber mais sobre os meus atendimentos com Tarô, Astrologia e outras técnicas, clique aqui!

Quer estudar Astrologia? Veja informações sobre o meu Curso de Introdução à Astrologia aqui!