Era de Aquário: afinal, já estamos nela ou não?

Entenda de uma vez por todas o conceito de eras astrológicas

Era de Aquário e Eras Astrológicas - Virginia Gaia
Local exato onde o Sol cruza o Ponto Vernal, às 12h33 (horário de Brasília), em 20 de março de 2022: em plena constelação de Peixes, ainda faltando uns bons anos até Aquário.

Você certamente já ouviu falar em “Era de Aquário”, não é? Muita gente fala sobre esse assunto, mas infelizmente ainda temos muita desinformação. Então, antes de qualquer coisa, vale explicar: o céu está em constante mudança. Isso porque a Terra realiza vários movimentos que impactam a posição em que vemos as estrelas e constelações no céu. Então, além dos já bem conhecidos movimento de rotação, responsável pela sucessão de dias e noites, e translação, que gera as estações climáticas ao longo do ano, a Terra também realiza um movimento chamado precessão. Este último impacta especialmente a posição das estrelas e constelações em relação aos pontos onde acontecem as mudanças das estações do ano.

Notado desde a Grécia Antiga, celeiro da Astrologia Ocidental, por astrônomos e astrólogos fundamentais para a história, como Eratóstenes, Hiparco e Cláudio Ptolomeu, o movimento de precessão é lento, mas não pode ser ignorado. Ele faz com que o Ponto Vernal, onde acontece o equinócio que marca o início da Primavera (no Hemisfério Norte) e do Outono (no Hemisfério Sul) seja deslocado em relação às estrelas e constelações zodiacais. E é o Ponto Vernal que determina, para a Astrologia, o 0° (grau zero) do signo de Áries, o primeiro do zodíaco. Ou seja, é com a passagem do Sol pelo Ponto Vernal que celebramos o Ano Novo Astrológico.

A Terra gira em torno de seu do seu próprio eixo

A precessão dos equinócios acontece porque a Terra gira em torno do próprio eixo, como um peão, ao passo de aproximadamente 1° (um grau) do zodíaco a cada 72 anos. Perfazendo um ciclo de cerca de 25.800 anos, esse deslocamento é dividido em ciclos menores, as chamadas “Eras Astrológicas”, cada uma com duração de 2 mil a 2,5 mil anos. O que dá nome às diferentes Eras Astrológicas é a constelação onde está o Ponto Vernal em cada período, ou seja, onde acontece o ingresso do Sol no signo de Áries.

Atualmente, o Sol passa pelo Ponto Vernal enquanto está na constelação de Peixes. Tem sido assim há mais de 2 mil anos e deve seguir dessa forma por, pelo menos, mais uns 400 anos. Vale lembrar que não há consenso sobre os limites exatos de onde termina uma era astrológica e começa a outra, visto que há diferentes formas de se medir o céu. De qualquer forma, o que podemos observar é que, atualmente, a passagem do Sol pelo Ponto Vernal ainda está ocorrendo dentro da constelação de Peixes.

Como o ciclo das Eras Astrológicas acontece na ordem oposta à dos signos, depois da Era de Peixes, teremos a Era de Aquário. Então, é importante salientar que essa passagem acontece de forma gradual. Há até quem considere que um dos primeiros sinais do período de transição para a Era de Aquário tenha sido a Revolução Francesa, visto que o lema “liberdade, igualdade e fraternidade”, reflete valores tipicamente aquarianos. Uma vez que a principal característica relacionada à Era de Peixes é o caráter religioso, exercido majoritariamente de forma monoteísta com forte apelo às grandes massas, e que a Era de Aquário, em contraste, dará mais ênfase ao racionalismo científico e a liberdade de pensamento individual, pode-se considerar essa possibilidade.

“Hair”: famoso musical cantou a Era de Aquário, mas sem fundamento astronômico e astrológico 

Entretanto, de qualquer forma, ainda que o famoso musical “Hair”, sucesso nos cinemas na década de 70, tenha celebrado uma nova era como se ela já estivesse consolidada, não é possível fazer essa afirmação. A única coisa que podemos ter certeza é que a Era de Aquário está a caminho e, com certeza, já podemos sentir alguns efeitos dela. Porém, ainda teremos uns bons anos sob a influência da Era de Peixes e tudo o que ela representa.

Para não deixar dúvida, veja abaixo a imagem do mesmo momento ilustrado acima (o Ano Novo Astrológico), só que sem o brilho do Sol na atmosfera para ofuscar a luz das estrelas. Não tem como afirmar qualquer outra coisa: ainda estamos na Era de Peixes! 

Era de Aquario e Eras Astrológicas - Virginia Gaia
O Sol sobre o Ponto Vernal em 2022. A imagem é uma reprodução do software astronômico Stellarium.

Compartilhe esse artigo:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Faça seu Mapa Astral com a astróloga Virginia Gaia!

Mapa Astral: Autoconhecimento + Previsões para o período de 01 ano
(Mapa Natal + Trânsitos + Progressões + Revolução Solar)

PARCELE EM ATÉ 6X SEM JUROS!

WhatsApp chat