Como e por que saber o seu signo ascendente?

como e por que saber o seu signo ascendente - Virginia Gaia
Signo ascentende: a porção de 1/12 da eclíptica que nascia no horizonte leste, no momento exato do seu nascimento. Ao longo de 24 horas, todos os signos do zodíaco nascem no Leste e se põem no Oeste.

As características do seu signo ascendente são bem marcantes, pois atuam junto ao signo solar. O signo ascendente determina a maneira como você se apresenta ao mundo, a relação com o corpo, a aparência e a forma como você inicia todas as coisas na vida. Como descreve as condições do nascimento e a sua primeira respiração, ainda bebê, ele também detalha as tendências naturais da forma como você exerce a sua individualidade. Caso você ainda não saiba o seu ascendente, faça o Mapa Astral Gratuito que ofereço aqui no site.

Do ponto de vista técnico, o signo ascendente é aquele que, literalmente, ascendia – ou seja, estava nascendo – no horizonte leste, no horário do seu nascimento. Ele é parte da mesma circunferência por onde passam o Sol e os demais planetas, a Eclíptica, que é dividida em 12 partes iguais, os signos, com base nas estações climáticas do ano.

Então, a diferença entre o signo solar e o signo ascendente é que, enquanto o primeiro leva em consideração o movimento anual aparente do Sol pelos signos do zodíaco, o ascendente mede o movimento da abóbada celeste ao longo de 24 horas. Ou seja, enquanto o signo solar está relacionado ao movimento de translação da Terra, o seu signo ascendente varia de acordo com a rotação.

Há um signo ascendente diferente a cada duas horas

De maneira geral, podemos dizer que temos um signo ascendente diferente, em média, a cada 2 horas no céu, levando também os planetas e as estrelas fixas que estiverem nele a ter forte influência no Mapa Astral.  Um planeta, por exemplo, terá influência sobre o ascendente por, em média, 1 hora ao passo em que uma estrela fixa o fará por, no máximo, 16 minutos.

O ascendente localiza o nascimento em relação aos quatro pontos cardeais (Leste, Oeste, Norte e Sul) e, consequentemente, à configuração celeste exata da sua chegada ao mundo, revelando a sua relação pessoal com todos os signos, planetas e estrelas fixas do céu. Ou seja, a sua conexão com o universo! Tudo isso, claro, levando em consideração também a cidade de nascimento, pois a localização no globo terrestre também altera o que acontece no céu no mesmo horário.

Por isso que o signo ascendente é tão importante: ele é o regente da primeira casa do Mapa Astral e, portanto, é com base nele que se determinam os signos que influenciam as demais 11 casas que compõem o gráfico astrológico. E é também a partir dele que vemos a distribuição dos planetas, estrelas fixas e pontos especiais sobre o seu Mapa Astral, com as 12 casas astrológicas, para descrever as diferentes áreas da sua vida. Por esse motivo é que somente a interpretação profissional e especializada do Mapa Astral completo é capaz de fornecer uma análise profunda e precisa para todas as facetas da sua vida, destino, psique e personalidade.

Anote a dica!

Aliás, vale aqui também a dica: sempre que for ver nas análises e previsões mais genéricas, baseadas somente nos signos do zodíaco – como no Horóscopo Semanal e Horóscopo Anual – preste atenção também nas dicas para o seu ascendente. Não somente porque você é muito mais do que o seu signo solar, mas também porque, partido do ascendente, você consegue saber a área da sua vida mais afetada pelos movimentos dos astros analisados para aquele período.

Compartilhe esse artigo:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Faça seu Mapa Astral com a astróloga Virginia Gaia!

Mapa Astral: Autoconhecimento + Previsões para o período de 01 ano
(Mapa Natal + Trânsitos + Progressões + Revolução Solar)

PARCELE EM ATÉ 6X SEM JUROS!

WhatsApp chat